Pagamento T12 - Rafael Baltresca

CAPACITAÇÃO EM HIPNOSE CLÁSSICA

Formação PREMIUM com Rafael Baltresca

Quando e onde:
Data: 15, 16 e 17 de março de 2019 (sexta, sábado e domingo das 9h às 19h);
Local: São PauloSP (o endereço será divulgado no momento da matrícula).

Bônus:
– Acesso completo e GRATUITO ao curso online Segredos da Hipnose 2.0 (40 horas de conteúdo + 27 bônus).
Acesso VIP a um grupo fechado de ex-alunos no Facebook para troca de experiências, ideias, rotinas, dúvidas etc;
– Acesso a um grupo fechado de WhatsApp com todos os alunos da turma e supervisão do Rafael Baltresca;
– Acesso COMPLETO ao HypnoFactor online por 1 ano;
– Curso completo de INDUÇÕES RÁPIDAS;

Quer mais?
– Entrega de certificação e apostila;
– Entrega da apostila;
– Atualização ETERNA dos materiais didáticos;
– Muita prática (muita, muita e muita mesmo!) 😉
Open bar de delícias (lanchinhos saborosos durante TODO o curso);
– Almoço por conta da casa nos melhores restaurantes da região;
– Local de fácil acesso (ônibus/metrô/trem);
– Estacionamento no local.

Investimento R$5.100,00
INSCRIÇÕES ENCERRADAS.

Condições de pagamento:

Pagamento:
À vista: R$ 5.100,00 Informações para depósito (clique aqui)
[Ou R$5.315,00 em até 12X pelo PagSeguro + tarifas de parcelamento]

CONTEÚDO DA CAPACITAÇÃO

Bases da hipnose:
– Entendendo as mentes consciente, subconsciente e inconsciente;
– Rapport individual e coletivo;
– Os rítmos cerebrais beta, alfa, teta e delta;
– O QUE É e o que NÃO É hipnose;
– A hipnose social – formas escondidas de rebaixamento do nível crítico;
– Estudo de conceito: hipnose X manipulação X influência;
– A hipnose ÉTICA de Rafael Baltresca;
– Transe – Teoria de estado x não-estado;
– Características de cada etapa do transe hipnótico;
– Os transes leve, médio, profundo e pleno;
– A anatomia de uma indução ao transe hipnótico.

Conceitos avançados:
– Contrato hipnótico (uma chave de persuasão);
– O pre-talk perfeito (As 17 perguntas e respostas mais feitas);
– Como entramos em “transe”;

– Os Mecanismos de indução ao transe hipnótico:
. Fixação do olhar;
. Monotonia;
. Confusão mental;
. Quebra de padrão;
. Fadiga ou sobrecarga do sistema nervoso;
. Atitude de choque;
. Perda de equilíbrio;
. Hiperventilação pulmonar;

– Palavras “mágicas” de acesso durante a indução hipnótica;
– Os 6 acessos ao subconsciente de Rafael Baltresca;

Estágios de hipnose (escala de susceptibilidade de Torres Norry):
1. Hipnoidal;
2. Leve;
3. Médio;
4. Profundo;
5. Sonambúlico.

Prática (de verdade) com supervisão direta de Rafael Baltresca:
– Convincers e pseudo-hipnose (testes e aplicações):
. Dedos magnéticos;
. Mãos magnéticas;
. Teste do limão;
. Pêndulo de Chevreul e movimentos ideomotores;
. Olhos grudados;
. Pé grudado no chão;
. Mão na cabeça / super força;
. Barquinho;
. Caindo para trás (pseudo força de atração e reações);
. O engolir e a trava psicológica;

– O que não fazer (princípios éticos):
. Ponte humana;
. Agulha que atravessa o pescoço;

– Induções clássicas, rápidas e instantâneas:
. Relaxamento progressivo;
. Fixação do olhar + choque;
. Handshake interruption (Richard Bandler);
. Hand drop;
. Armpull;
. Butterfly induction (John Cerbone);
. Galie’s touch;

– Os passos da “Indução Baltresca;
– Processos coletivos e individuais;

– Aprofundamento:
. Contagem decrescente;
. Compounding;
. Relaxamento muscular;
. Reindução (ou fracionamento);
. Visualização;
. Fenômenos hipnóticos;

– Pistas hipnóticas;
. Relaxamento total;
. Flickering visual;
. Efeito parabrisa;
. Máscara hipnótica;
. Variação de temperatura;
. Respiração;
. Fenômenos hipnóticos;

– Protocolo: Emergindo do transe hipnótico.

Hipnose como demonstração:
– A seleção: Como escolher os sujeitos a serem hipnotizados;
. Mãos grudadas (handclasp induction) – Formas 1 e 2 (script utilizado por Baltresca em suas demonstrações);
. Bucket and balloon (balde e balão) / Livro e balão;
. Levitação das mãos;

– Fenômenos hipnóticos;
. Amnésia;
. Catalepsia;
. Alucinações visuais, auditivas e cinestésicas;
. Anestesia hipnótica / Analgesia;

– A escolha: Quando utilizar induções rápidas, convencionais ou mescladas;
– As demonstrações: sequências de comandos pós-hipnóticos;
– As rotinas: exibições à prova de erros para shows;

– Sequência de treino:
. Sensações físicas;
. Sugestões emocionais;
. Desafios;
. Sugestões cognitivas;
. Alucinações positivas;
. Alucinações negativas;
. Sugestões pós-hipnóticas.

Hipnose terapêutica:
– Pre-talk e convincers aplicados ao setting terapêutico;
– Indução de Dave Elman;
– Toque ambíguo de Milton Erickson com aplicações terapêuticas diretas;
– Como lidar com pessoas analíticas;
– Como lidar com pessoas extremamente difíceis;
– Anulando ou reforçando comandos pós-hipnóticos;
– Lugar seguro e controle do hipnotizado durante a sessão;
– Auto-hipnose e técnica do interruptor (sugestões diretas);
– Estado Esdaile (coma hipnótico);
– Cata-jóias;
– Sugestões diretas e quebra de gatilhos emocionais;
– Bases e demonstrações da regressão de idade;
– Implantação e quebra do selo hipnótico;
– Presente hipnótico;
– Estudo de caso: a hipnose no consultório.

As peças da hipnose infalível:
– O mecanismo: Atravessando a barreira crítica da mente consciente;
– O preparo: Geração de expectativas e pré-hipnose;
– Os testes: Eliminando objeções conscientes e subconscientes;
– A indução: Levando o sujeito ao transe hipnótico;
– A automatização: O loop hipnótico;
– O aprofundamento: Chegando a níveis profundíssimos de hipnose;
– A terapia: Visualização positiva, sugestões diretas, regressão e terapias com hipnose;
– As abreações: O que pode atrapalhar ou ajudar o processo.

Além da técnica:
– Construindo uma reputação como hipnólogo;
– Postura de palco;
– Profissionalismo e ética;
– Autoconfiança e autoestima;
– Discussão em grupo: Trabalhando com hipnose.

Rafael Baltresca©

Mude sua percepção e mude sua realidade.

Secured By miniOrange